Grutas, cavernas, cachoeiras, picos, montanhas, mirantes naturais, Igrejas rústicas, belíssima vegetação,rochas, penhascos, paredões, cachoeiras, bromélias, orquídeas, cactus, líquens e muita história compõem a paisagem da Serra do Ibitipoca, Conceição do Ibitipoca abriga um dos melhores Parques Estaduais brasileiros.Um desfile de cachoeiras, lagos, corredeiras, cânions e mirantes naturais de uma beleza literalmente rara. Ao todo, são mais de 40 grutas, a maior concentração do Brasil. Atualidade e História A vila de Conceição do Ibitipoca se manteve esquecida até recentemente, quando foi redescoberta pelo turismo. Hoje, abriga inúmeras pousadas e restaurantes e se constitui no primeiro e principal ponto de apoio para quem visita o Parque Estadual do Ibitipoca, parque mais visitado no estado de Minas Gerais. A vila pertencente à Zona da Mata mineira está plantada na Cordilheira da Mantiqueira, na Serra de Ibitipoca, paralela à Serra do Mar. A elevação rochosa com altitudes que variam entre 1.200 e 1.780 m possui uma rica formação geológica, predominantemente quartzítica. Entre os fatores determinantes para as instigantes paisagens características da vila, está o relevo acidentado da região, que possibilita a formação de "gargantas", cavernas, despenhadeiros e vales, abrigando uma diversidade de cursos d’água. O Rio Vermelho e o Rio do Salto nascem lado a lado, mas tomam destinos diferentes. O Rio do Salto corre em direção ao sul e deságua no norte, na Bacia de Atafona, em Campos. O Rio Vermelho corre em direção ao norte e deságua no sul, na Bacia do Rio Grande.

Distância*

175 Km

Tempo de Viagem*

5h

Altitude

1500 m

Quando Ir

Entre os meses de abril e setembro, quando chove menos.

http://goo.gl/maps/Rto0N